São pequeninos cistos epidérmicos de localização mais superficial que resultam da proliferação de células da epiderme dentro da derme. Pode ser devido a uma tendência genética ou não. O conteúdo do milium, não é sebo e sim queratina, a substância que forma a camada mais superficial da pele.

O milium é então, um pequenino cisto epidérmico que se mostra através da pele por pequeninas lesões amareladas ou esbranquiçadas, superficiais, localizadas freqüentemente na face e, principalmente, ao redor dos olhos. Em alguns casos o milium pode atingir tamanhos maiores.